Conhecendo o Direito Digital

Martarello_2202_Feed

Com o avanço da tecnologia e o crescimento virtual através da internet, surgiu a necessidade de definir padrões de comportamento aceitáveis em redes sociais, sites, e-commerces, aplicativos e afins. Afinal, como ficam as relações de negócios, a privacidade, a liberdade de expressão e outros setores do convívio humano nesse ambiente?

Essa nova ramificação jurídica corresponde ao conjunto de normas que visam tutelar as relações humanas e as violações comportamentais em ambientes digitais. Isto é, se com o uso da tecnologia, as pessoas enviam e recebem informações, realizam negócios, emitem opiniões etc., devem existir regras e princípios que orientem a conduta nesse meio.

A regulamentação das relações jurídicas em ambiente digital ainda é ínfima, principalmente se comparada ao volume de inserção das pessoas nessa nova realidade. No entanto, aos poucos, a legislação vem buscando formas de tratar do assunto, embora ainda sofra com a dificuldade de acompanhar a velocidade das mudanças no meio.

Essa tendência é o futuro dos negócios e das relações humanas, reforçada pela abrangência da área, que contempla relações dos mais diversos ramos do Direito, o Direito Digital é imprescindível aos negócios na atualidade, pois o meio virtual é um dos principais canais de inserção, prospecção, contratação e consolidação de um empreendimento.

Como os comportamentos humanos cada vez mais acontecem no chamado meio ambiente digital, muitas vezes somente neste, e já se mostram em realidade virtual (Metaverso), cada vez mais se amplia a necessidade de contar com a ajuda de profissionais do meio jurídico que atuem com essas inovações e que buscam acompanhar esta fascinante realidade virtual.